O Que Fazer Para Acelerar O Aprendizado?

o que fazer para acelerar o aprendizado

O Que Fazer Para Acelerar O Aprendizado? É uma pergunta que eu me fiz durante muito tempo. E é uma pergunta que me foi feita durante muito tempo. E é possível nós respondermos esta pergunta sim. É possível acelerar o aprendizado no Varejo Farmacêutico. É possível você maximizar o seu tempo sem perda de qualidade e é sobre isto que nós iremos tratar.

Mas não será apenas em uma Mini-Aula que conseguiremos abordar este conteúdo. Teremos outras.

Iremos trabalhar com as orientações mais simples e evoluindo para as orientações mais complexas, podemos dizer assim. Mas eu quero aqui fazer um alerta, fazer um posicionamento muito importante para você, profissional do varejo: muito mais importante saber o que estudar para acelerar o aprendizado, eu acredito que é a ATITUDE.

A postura que o Profissional do Varejo Farmacêutico tem que ter em relação à sua profissão, em relação à busca da diferenciação profissional. Nós iremos trabalhar mais neste tema no decorrer desta aula e das próximas.

Primeiro ponto, primeira observação, primeira “dica”:

  • Não Confie Em Sua Memória!

Não confie em seu cérebro. “Mas Telmo, eu lembro de tudo, eu não preciso nem de anotar, minha memória é fantástica, todo mundo elogia”. Ótimo. Parabéns para você. Mas eu não confio em meu cérebro não. E não acho que você deva confiar tanto assim no seu. Por isto eu sempre falo, sempre aconselho:

  • Tenha Sempre Um Bloco Em Seu Bolso Para Anotações!

Estou falando de um BLOCO. Vejo, infelizmente, muitos profissionais com papéis soltos no bolso… ou até mesmo nos bolsos! No bolso direito, no bolso esquerdo, no bolso da frente, no bolso de trás. Me desculpe, mas profissional que tem papel solto, ou vários papéis soltos nos bolsos, para mim revela desorganização profissional.

Aquilo que você anota tem que ser sistematizado. Aquilo que você anota tem que ser organizado. Então este bloco vai ser útil. Pra Que? Vamos exemplificar?

  • Um paciente pede a sua orientação no varejo, por exemplo: “Quais são as interações medicamentosas do Itraconazol?
  • Como eu devo tomar? Com água ou com Alimento?

Esta pergunta feita a você, você sabe, você sentiu que a sua resposta, que a sua orientação poderia ser melhor, poderia ser mais abrangente e até aprofundada. O que você faz? Anota este caso. E eu sempre aconselhei também: anote as características do paciente que lhe fez a pergunta (Exemplo: um homem alto, de terno ou de chinelo, de calça de moleton, tinha um jornal debaixo do braço, o que for).

Qual a vantagem disto? Você registra na sua memória melhor o acontecido, o caso. Fica mais fácil para você lembrar. Fica mais fácil para você relembrar, para você vivenciar aquilo novamente.

Por que? Porque você vai estudar aquele caso. Como assim, estudar aquele caso? São os estudos caseiros.

Chegando em casa, aqueles casos que você anotou, aquelas situações que você vivenciou na drogaria, você irá pegar o seu bloco, vai passar a limpo para um outro caderno, seu caderno de casa, e vai fazer uma pesquisa sobre aquele assunto. Seja no livro que você tem e confia, seja em uma apostila ou nos sites confiáveis que você conhece.

Durante as nossas aulas, iremos dar dicas ou orientações sobre livros, apostilas ou sites e espero que sejam viáveis para vocês. Espero que sejam úteis. Vamos trabalhar com vários livros, várias apostilas e principalmente vários sites confiáveis.

Por que eu digo “Passar a limpo”?

Você já observou que os casos repetem-se com muita frequência no varejo farmacêutico? A orientação que você deu hoje, possivelmente você terá que refazê-la amanhã. E se você estudou esta orientação, a orientação que você deu anteriormente não é igual a orientação que você deu hoje. Ela está aperfeiçoada, ela está melhorada, ela está mais “madura”.

Fruto do seu estudo caseiro.

Seu estudo caseiro leva a uma evolução dos seus conhecimentos. O seu estudo caseiro sedimenta o aprendizado. E, principalmente, possibilita acrescentar novas orientações aos seus clientes, aos seus pacientes. Além disso ele fornece uma disciplina de estudo.

Está aqui a Atitude, a Postura: O estudo caseiro fornece uma disciplina de estudo fora da rotina de trabalho, coisa rara em várias pessoas atualmente e que leva a uma diferenciação profissional.

Estudar dentro da empresa, dentro do horário de trabalho, em minha opinião é uma Obrigação. A sua diferenciação profissional se faz fora do ambiente de trabalho. Em que sentido? Na sua preparação, no seu estudo caseiro. É ótimo! Tenho certeza que você já passou por isto: você fez um estudo caseiro e no outro dia você tem a oportunidade de mostrar aquele estudo através da orientação ao paciente.

O estudo caseiro tem que ser, no mínimo, 30 minutos. Eu diria 1 hora. É um tempo que você tem que ter para você estudar e sobretudo para os pacientes. Eles merecem. Eles precisam de você. Eles necessitam da sua orientação. Você é muito importante dentro da drogaria, Profissional do Varejo Farmacêutico.

O mercado infelizmente tem muitas pessoas incompetentes, incapazes de dar uma orientação correta aos pacientes. Você não é deste tipo de profissional, por isto que você vai estudar. Conto com isto!

Se você já estiver fazendo, ótimo! Parabéns! Se não, é hora de começar! É hora de ter este hábito extremamente positivo e de diferenciação profissional.

Sobre o Autor: Telmo Giani

Foto Curso Farmacologia OnlineTelmo Giani é Farmacêutico, Professor e Palestrante. Criou e desenvolve uma Metodologia Diferenciada de Estudo da Farmacologia. Ele consegue sintetizar em vídeos de 5 a 8 minutos as melhores Dicas, Orientações e “Macetes” sobre Doenças e Medicamentos. Já treinou mais de 12.000 Profissionais do Varejo Farmacêutico. Veja neste site: http://farmacologiaonline.com

Clique no banner abaixo para acessar o site:

logo-branco3-600x131

  • Daniel C. Castro

    Muito bom e prático

    • WilsonCBJr

      Muito obrigado!